Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2007

SIMPLEX 2007

O Governo continua a afirmar que o SIMPLEX (Programa de Simplificação Administrativa e Legislativa) foi um êxito em 2006 e que o mesmo se espera em 2007.

 

Se em 2006 foi mais virado para a simplificação dos actos administrativos relacionados com as empresas, em 2007 uma boa parte das medidas será mais virada para os cidadãos.

 

Parece que estão previstos vários Balcões, com nomes bem sugestivos:

 

  • Balcão “Perdi a carteira” - onde vai ser possível requerer todos os documentos pessoais num único balcão;

 

  • Balcão "Casa pronta", que facilita o processo de compra e venda de casa;

 

  • Balcão “Aposentação online", em que pode ser solicitada a reforma através do site da Caixa Geral de Aposentações;

 

Parece, na verdade, uma boa ideia, mas da maneira como as coisas andam, acho que deverão acrescentar mais um Balcão e esse… palpita-me que terá uma grande fila… :-)

                  

      

publicado por RB às 22:46
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 28 de Janeiro de 2007

Mar sonoro

Playa Del Carmen - México

Mar sonoro, mar sem fundo mar sem fim.
A tua beleza aumenta quando estamos sós.
E tão fundo intimamente a tua voz
Segue o mais secreto bailar do meu sonho
Que momentos há em que eu suponho
Seres um milagre criado só para mim.

Sophia de Mello Breyner Andresen (Mar Sonoro)

 

 
publicado por RB às 22:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Janeiro de 2007

Difícil…

Depois de uma ausência por estes lados, andei por aí a pôr "em dia" a visita a  blogs e não pude deixar de reparar na grande quantidade dos que se dedicam a … dietas.

Até é bonito de ver como ali as pessoas contam as suas experiências, se animam, se apoiam, dão conselhos, como se formassem uma comunidade. Quem pretende levar a bom termo um empreendimento tão grande (é assim mesmo que eu considero a luta contra os quilinhos a mais J , acreditem..), toda a ajuda é preciosa.

 

Pois é, depois dos doces do Natal, dos exageros das festa de fim de ano, há que voltar às dietas ou tentar, pelo menos, não acham? Eu, habitualmente, inicio as dietas às segundas-feiras e termino às terças...  Difícil não é....?:-))

                                                          ...

                          

                                Bom fim-de-semana e ... divirtam-se

publicado por RB às 23:15
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Janeiro de 2007

Eu sei...

Tenho andado um bocado afastada do meu blog, por motivos diversos. Hoje regressei e ía mudar a música que, já há algum tempo, aqui deixei. Mas li o comentário da Lurdes, que diz estar viciada na música e vem aqui muitas vezes só para a ouvir. Assim, resolvi deixá-la ainda algum tempo, até porque também gosto muito de ouvir a Sara Tavares neste tema, e não só, porque acho que tem uma voz linda e melodiosa.

Deixo também a letra, muito especialmente para ti, Lurdes, com um beijinho.

Se eu voar sem saber onde vou
se eu andar sem conhecer quem sou
se eu falar e a voz soar com a manhã
eu sei...

se eu beber dessa luz que apaga
a noite em mim
e se um dia eu disser
que já não quero estar aqui
só Deus sabe o que virá
só Deus sabe o que será
não há outro que conhece
tudo o que acontece em mim

se a tristeza é mais profunda que a dor
se este dia já não tem sabor
e no pensar que tudo isto já pensei
eu sei...

se eu beber dessa luz que apaga
a noite em mim
e se um dia eu disser
que já não quero estar aqui
na incerteza de saber
o que fazer, o que querer
mesmo sem nunca pensar
que um dia o vá expressar
não há outro que conhece
tudo o que acontece em mim

 Composição: Sara Tavares e Ana Fonseca

Interpretado por: Sara Tavares

publicado por RB às 15:39
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

CERTEZA

De tudo ficaram três coisas:
A certeza de que estamos começando,
a certeza de que é preciso continuar
e a certeza de que podemos ser interrompidos antes de terminar.

Façamos da interrupção um caminho novo.
Da queda um passo de dança,
do medo uma escada,
do sonho uma ponte,
da procura um encontro!

Fernando Sabino

publicado por RB às 14:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 5 de Janeiro de 2007

Cantar as Janeiras...

As Janeiras são uma tradição muito antiga. Em muitas aldeias esta tradição mantém-se viva, especialmente no Norte de Portugal e nas Beiras e vai passando de geração em geração, assim como o reportório musical que lhe está associado.

 

Na noite de Reis, formam-se grupos de pessoas que percorrem as ruas, indo de casa em casa, cantando e tocando alguns instrumentos, como pandeireta, ferrinhos, tambor, acordeão, por exemplo, desejando, assim, um bom ano aos seus vizinhos. São normalmente convidados a entrar e são-lhes oferecidos alguns petiscos, filhozes, chouriço assado, vinho…

 

É bom que certas tradições não se percam.

 

Este ano, passei a noite de Natal numa aldeia do Alentejo, onde ainda se mantém a tradição de se cantar à volta da fogueira, que se acende no adro da igreja, onde ardem enormes madeiros e que normalmente se mantém acesa, ainda durante o dia de Natal.

...

 

Cantam-se canções tradicionais de natal, que misturam palavras em língua espanhola com a portuguesa, fruto da sua proximidade com Espanha. São acompanhadas por instrumentos artesanais – as roncas, originalmente feitas com uma pele de coelho atada na boca de um cântaro de barro (hoje a pele de coelho já vai sendo substituída por plástico, e o pote de barro por uma qualquer lata, sinal dos tempos…), com um orifício central no qual se faz deslizar uma cana, que produz um som tipo “ronco”.

...

 

É pena que cada vez vá havendo menos adeptos destas manifestações populares, o que também se deve à desertificação que se vai verificando nestas aldeias.

 

Hoje em dia a agitação da vida moderna faz-nos esquecer certos usos e costumes, certas tradições e saberes de antigamente e de como é bom reviver a alegria das coisas simples.

 

Deixo aqui algumas quadras que se cantam nesta altura e que encontrei numa pesquisa pela Internet:

 

Boas noites, meus senhores,
Boas noites vimos dar,
Vimos pedir as Janeiras,
Se no-las quiserem dar.

Ano Novo, Ano Novo
Ano Novo, melhor ano,
Vimos cantar as Janeiras,
Como é de lei cada ano.

Vinde-nos dar as Janeiras,
Se no-las houverdes de dar,
Somos romeiros de longe,
Não podemos cá voltar.

 

Aqui vimos, aqui vimos
Aqui vimos bem sabeis
Vimos dar as boas festas
E também cantar os Reis.

Nós somos as criancinhas
Que pedimos a cantar
Pedimos as Janeirinhas
E bênção p'ra este lar.

Levante-se daí senhora
Desse banco de cortiça
Venha nos dar as Janeiras
Ou morcela ou chouriça.

Levante-se daí senhora
Desse banquinho de prata
Venha nos dar as Janeiras
Que está um frio que mata.

As Janeiras são cantadas
Do Natal até aos Reis
Olhai lá por vossa casa
Se há coisa que nos deis.

Boas festas, boas festas
Está a alba a arruçar
Venha-nos dar as Janeiras
Que temos muito para andar.

Obrigado minha senhora
Pela sua Janeirinha
P' ro ano cá estaremos
Nós e mais as criancinhas.

Quem diremos nós que viva
Na folhinha da giesta
Já lhe cantámos as Janeiras
Acabou a nossa festa.

 

 

publicado por RB às 23:02
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Segunda-feira, 1 de Janeiro de 2007

Um bom ano de 2007

 

Já se tornaram uma tradição os Concertos de Ano Novo.

Como eu acho que há tradições que se devem manter, deixo-vos aqui um "concerto" delicioso e os votos de que tenham um ano de 2007 muito, muito feliz.

Clique aqui para assistir (é gratuito)

publicado por RB às 22:03
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

.Pensamento do dia


"Pedras no caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo..." Fernando Pessoa

.pesquisar

 

.Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
29
30
31


.posts recentes

. Um bom ano 2012

. Madeira

. Alentejo

. Convento de Mafra – Um gi...

. Novas tarifas low cost

. Sensibilidade masculina.....

. A gripe e os homens...

. O dinheiro traz felicidad...

. Recomeça...

. O tempo...

.arquivos

. Dezembro 2011

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.Links

Crónicas do Quintal
Viagens na Nossa Terra
As Paixões de uma fan
Grito da Gaivota
O Mundo da Ilusão
Luasolitária
1000imagens
Olhares
O Meu Anel
Alma Guerreira
Pensamentos da Alma
A Kind Of Magic
tons de azul
1001 Maneiras de Poupar
Deep blue angel
Hoje Li (ou não...)
Casa de Maio
A Papoila
Auxiliar de Memória
O Cantinho da Tibéu
Bijuterias da Maria
Bolos da Célia e da Ana
Nuno Cabruja
frufruegaitinhasdaprincesa
palavra puxa palavra
O Cantinho da Primavera

.Contador

.Visitantes on-line

online

.Musica

blogs SAPO

.subscrever feeds